Como vão suas amizades?

"Você se torna eternamente responsável por aquilo que cativas." 
Esse é um dos diálogos sobre a amizade, que acontece entre a raposa e o pequeno príncipe. Quem tiver a oportunidade de ler o livro, "O Pequeno Príncipe" fica aqui minha dica.
Com a explosão das redes sociais, ficou muito mais fácil fazermos novos amigos.  O grande desafio é sabermos se temos habilidade suficiente para merecer e manter nossas amizades. O post de hoje, é uma reflexão, um convite a pensarmos a respeito das amizades que cultivamos.

Conforme o grau de amizade que nossos amigos vão adquirindo em nossas vidas, nossas atitudes também vão mudando. Muitas vezes esquecemos que eles merecem respeito, que eles também têm os seus problemas e gostariam de poder contar com nossa ajuda. Algumas vezes,  nos permitimos usar nossos amigos em  brincadeiras tolas, até de mau gosto, acreditando que eles, por serem nossos amigos, devam suportar tudo. E quase sempre nos tornamos inconvenientes e os machucamos.

A melhor fórmula de manter nossos amigos é usar nossa gentileza, simpatia e ternura no trato com as pessoas. Lembre-se, gentileza gera gentileza. Cortesia gera simpatia e amizade. Expressões como: Por favor, muito obrigado, me desculpa, posso ajudar, bom dia, reforçam a amizade e criam laços entre as pessoas.

Para se manter uma amizade saudável, não basta cativarmos alguém, é preciso expressar bondade, generosidade, afeto e respeito, nos pequenos gestos que praticamos todos os dias.

Muito obrigado por sua amizade!

3 comentários:

  1. Com certeza,são esses pequenos gestos que praticamos no dia a dia...
    Lindo dia para você
    beijos

    ResponderExcluir
  2. Obrigado.
    Lindo dia para você também!
    Seja bem-vindo sempre!

    ResponderExcluir
  3. Nestor o comentário acima é meu viu,desculpe cliquei sem colocar o nome e o link,
    boa noite amigo....

    ResponderExcluir

Que legal! Família Alcará agradece ao seu comentário nota 10. Em breve estará disponível à todos.