Água, fonte da vida

Somos 70% de água.  Não há vida se perdermos esse recurso natural.
Enquanto tomo meu chimarrão, uma reflexão faz-se necessário. A crise hídrica que vem assolando o Brasil, principalmente o Estado de São Paulo, vem gerando uma série de debates em torno do tema. A água, até então considerada um bem infinito, parece estar com seus dias contados. As discussões, no entanto, são pífias. Não podemos culpar Deus, ou somente a falta de chuva, pela escassez de água dos últimos tempos. Há que se falar da imprevidência no planejamento dos governos, do uso sem cautela pelos setores produtivos, da poluição das nascentes, do desperdício sem controle algum e da própria população em geral.

Dados recentes do Ministério das Cidades, apontam que, 37% da água tratada no Brasil são desperdiçados antes mesmo de chegar aos consumidores. A agricultura, no Brasil, é responsável por 70% do consumo de água, sendo também recordista em desperdícios. Em resumo, a crise decorre de décadas de nosso mau comportamento em relação ao uso da água. A maioria de nós, tem uma relação cultural totalmente equivocada em relação aos recursos naturais. O Brasil concentra 12% da água doce disponível no globo para uma população que não chega a 3% da população mundial. Essa aparente abundância de água, acaba nos levando ao uso desenfreado, despreocupado e irresponsável.
A atual crise demonstra que a seca não é mais problema exclusivo do Nordeste brasileiro. Aqui no Sul, sobretudo na Campanha Gaúcha, mesmo com clima úmido, avançam as áreas desertificadas. Em nome do progresso, do desenvolvimento sustentável, avançam a agricultura extrativista e a ocupação desordenada dos espaços. Faz-se urgente pensar e agir. A vida clama por água, e esta, esgota-se gota-a-gota.
Abraço.

8 comentários:

  1. O problema da água ainda vai render, isso pq é um problema antigo que nunca foi solucionado.
    Tivemos a Copa e ninguém falou deste problema tudo estava voltado para o jogos,e agora teremos Carnaval (estaremos recebendo na cidade de SP, muitos estrangeiros e visitantes).
    Culpar a Deus? Não, devemos culpar a nós mesmos pelo uso inconsciente e ao governo que só se preocupou com isso agora.

    Um ótimo fds pra vc =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bell,

      Ilusão acreditar que nossos mananciais não precisam de cuidados e atenção. A água é uma fonte finita, assim como qualquer outro recurso natural. Faz-se necessário planejamento e uso responsável.
      Abraços

      Excluir
  2. A vida clama por água e o homem e os governos não ouviram os alertas há tanto dados e falados. É sempre assim:esperam pra ver! pena! abraços,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá chica,

      A natureza clama, emite alertas e cobra atitudes. O homem um ser dito 'dotado de inteligência' que acredita estar acima do bem e do mal, não consegue ou recusa-se a ouvir os sinais da natureza.
      Abraços.

      Excluir
  3. Olá Nestor,

    Sua postagem é bastante oportuna, constituindo mais um alerta para todos. Endosso sua palavras, que foram precisas e claras. Faltou, sim, planejamento governamental e houve excesso de desperdício e de descaso do homem. Agora, a natureza cobra e nós teremos que pagar o preço. Tomara que Deus dê uma ajudinha para aliviar as consequências.

    Ótimo final de semana.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  4. Oi Vera,

    Deus sempre ajuda, porém o homem deve fazer a sua parte. Políticas adequadas e sobretudo, educação ambiental.

    Abraço, bom final de semana.

    ResponderExcluir
  5. Olá, Nestor!
    É fato que os governos não investem em incentivos de recursos para reutilização e remanejamento da água, mas as pessoas, eu vou te contar, como tem gente ignorante nesse mundo, que só se preocupa em resolver as questões quando os problemas já estão instalados! Tão mais fácil economizar quando tem, não é mesmo? Um abraço!

    ResponderExcluir
  6. Olá Bia,

    Acredito que deveria entrar nos currículos escolares, a questão da Educação Ambiental. O que está faltando é educação mesmo. Regras simples e básicas. Isso da escola até a casa de cada brasileiro. Mas quem está ligando para a educação ambiental?
    Sim. A ignorância fala mais alto. Se eu pago a conta, tenho o direito de usar e desperdiçar. Essa é a cultura que recebemos, que deve ser repensada e mudada, para o bem de todos. Forte abraço.

    ResponderExcluir

Que legal! Família Alcará agradece ao seu comentário nota 10. Em breve estará disponível à todos.