Recolher para recomeçar


Gosto de observar na natureza, a forma de como a vida se recompõem, após um longo inverno que a tenha obrigado ao toque de recolher. Recolher-se para voltar com mais intensidade. Nós humanos nem sempre entendemos que, de tempos em tempos, é preciso recolher-se, buscar a interioridade e repor energias...
Aos poucos, o verde vai ressurgindo e novas brotações devolvem vida aos galhos. É a primavera sendo saudada pela natureza. Sua chegada, trás consigo, uma explosão de brotações, flores e aromas. Porém, convém lembrar que, alguns galhos até secaram e outros foram eliminados. É o renovar-se da vida para um novo recomeço. É preciso renovar-se para sustentar o que se transparece.
Dádiva maravilhosa essa,  de poder recomeçar sempre quando se precise. Acredito que, se não houvessem recomeços, a vida seria um tanto sem graça e monótona. Eu já perdi as contas de quantas vezes recomecei, e quanto a você?

É impossível a gente viver e conviver sem experimentar, de vez em quando, o gosto do desconforto. Podemos chamar isso de "inverno da alma". Seria muita pretensão de nossa parte, querer perene primavera. Guimarães Rosa, em uma de sua citações diz: "Viver é um rasgar-se e um remendar-se."
De fato, em tempos de tanta correria, (as vezes sem chegar a lugar nenhum), a vida torna-se pesada. Mas, cá entre nós, a vida não é tão complicada assim. O bom é viver e ir dando conta das escolhas e dos tropeços. Existem sim, algumas situações de onde se sai completamente rasgados. Há momentos onde o desgaste é enorme. A gente fica de pé só por teimosia mesmo. Que bom que tudo passa! A gente recomeça, coloca um remendo aqui, outro ali e reanima o filete de esperança que ainda resta. A vida sempre se restabelece e redescobre a sua direção. Viver bem não se restringe unicamente ao conforto. As coisas nem sempre nos confortam, sabia?

Não importa o que ainda temos pela frente, o que importa é estar com vontade de recomeçar sempre e tudo de novo. Que essa primavera possa trazer a tona, todos os nossos sonhos que estavam no esquecimento, enquanto estávamos gastando nosso tempo com excessivos problemas.
Abraços.

10 comentários:

  1. A vida nunca é sempre doce e reta...Levamos tombos, ganhamos acidez e temos que saber sempre ir em frente, acreditar, não desistir! abraços,chica

    ResponderExcluir
  2. Oi chica,

    Acredito que encontramos o sentido da vida, no momento em que conseguimos conciliar nossas oscilações. Ora estamos bem, ora não. Compreender que tudo faz parte de um processo, selecionar as melhores alternativas é saber dar o ritmo certo para a vida.

    Bom fim de semana! Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Olá Nestor,

    Texto perfeito para a Primavera, estação da renovação.
    Viver não é mesmo complicado. Nós é que complicamos a vida com nossas escolhas, pois muita coisa depende de nós. As que independem, devem ficar nas mãos de Deus.
    Poder recomeçar é mesmo uma dádiva, traduzida em esperança. Sempre poderemos tentar de novo, fazendo diferente, para alcançar os resultados dos nosso sonhos.
    Lindo texto, Nestor.
    Feliz Primavera!

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Vera,

      O fato de complicarmos a vida, é porque andamos muito de pressa. Embarcamos na onda de que tudo tem que ser pra ontem. Nosso ritmo interior entra em conflitos com o exterior. As coisas do coração tem o seu próprio ritmo e devem andar em harmonia com o nosso mundo exterior. Sendo assim, a vida passa a ser mais leve e sentida.
      Bom fim de semana.

      Excluir
  4. Oi, Nestor, como vai? Comentei isso no blog da Calu... interessante como a primavera traz esse perfume de recomeço. Já tive invernos/primaveras piores (e melhores) mas hoje me conforta a esperança de saber que o ser humano tem esse impulso natural do recomeço, em busca de uma vida mais satisfatória e feliz, com novas posturas e visões. Se não agimos assim secamos no principal - na raiz - e sobrevivemos secos, ocos, sem florescer. Fotos lindas! Abraços, ótima semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bia,

      Não há outra forma de evoluir ou atingir a maturação, sem que tenhamos que passar por momentos de desconforto. Lições se aprendem corrigindo erros. Enquanto há vida, invernos/primaveras sempre existirão. Que o impulso pelo desejo de recomeçar esteja sempre presente em nossas vidas.
      Feliz semana. Abraços.

      Excluir
  5. OI NESTOR!
    E NESSE REINVENTAR-SE E RENOVAR-SE, VAMOS VIVENDO, SABEDORES DESTE CONSTANTE VAI E VEM DA VIDA, NEM SEMPRE DE FLORES, MUITAS VEZES COM ESPINHOS PONTIAGUDOS QUE NOS FEREM, MAS, QUE EM ALGUM MOMENTO VÃO SARAR E DELES NEM MAIS NOS LEMBRAREMOS.
    UM TEXTO COM TODA A PROFUNDIDADE QUE TE É PECULIAR.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grato pelo carinho, Zilani.

      Que o discernimento e a paz sejam nossos aliados, sempre quando é preciso renovar-se e reinventar-se.

      Abraços.

      Excluir
  6. Ando precisada desse recomeço. Na verdade, da vontade de recomeçar, de ajeitar o que está num canto amontoado, precisando de arrumação.

    Suas reflexões são sempre prazerosas de se ler.
    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Milene,

      Às vezes os problemas parecem nos sufocar, não é mesmo? Há tantas coisas para se fazer. O bom mesmo, seria não deixar acumular tanta desordem em nossas vidas. A gente sempre encontra uma saída, é preciso começar arrumando algumas coisas por dia e ir aumentando a arrumação até tudo ir para seus devidos lugares.
      Abraços.

      Excluir

Que legal! Família Alcará agradece ao seu comentário nota 10. Em breve estará disponível à todos.