O barco de Francisco


Após alguns dias de férias, aqui estou de volta. Baterias carregadas, esperança na frente e muita coisa para aprender.
Mais de mil anos foi preciso esperar. O comandante do barco de Pedro, agora,  é um latino-americano. A torcida era que fosse um brasileiro "tupiniquim" (assim é que somos conhecidos pelo pelo resto do mundo, não é mesmo?)
Puxa vida, logo um papa do terceiro mundo! O  que está acontecendo? Será que a Europa deixou de ser o centro do universo?
Concepções religiosas à parte, idealizadores da paz são necessários. Inspiram confiança, ajudam a entender que por mais árdua que seja a batalha, a vida sempre valerá a pena.

Ao meu ver, ocorreram dois acontecimentos inéditos. Bento XVI que humildemente passa adiante seu cajado de bom pastor e a escolha de um papa latino-americano.
A renúncia de Bento XVI comprova que o cajado não era definitivo. Entregar um pouco antes de perder as forças físicas, é altaneiro. Sua atitude, surpresa para alguns e compreensão para a grande maioria. A grande lição que fica é que abdicar do comando é tarefa para humildes. Há muita gente pondo tudo a perder por receio de entregar o cajado a alguém. Todo o poder que não mais se sustenta é apenas aparência, e seria tão simples se os envolvidos em cargos decisórios não se adonassem do mesmo e soubessem que um dia o cajado deva ser passado adiante. Se houvesse rodízio de poder, a história seria outra e o mundo teria um novo aspecto.
Temos uma facilidade incrível de se apegar. Almejamos cargos, travamos disputas acirradas por vitrines, perpetuação do transitório. É uma questão de inteligência saber que o nosso cargo, um dia, será passado adiante. Só assim surgirão boas novidades.

Francisco é o seu nome. Que a carga simbólica e profética de São Francisco de Assis, o santo da fraternidade, simplicidade e dos pobres possa estar presente na barca de Francisco, que ora navega em mares revoltos. A barca que era de Pedro - agora é de Francisco.  Muita luz e que a igreja mude alguns costumes do passado e  zele cada vez mais das Verdade eternas e imutáveis.

20 comentários:

  1. Que Papa Chico tenha capacidade de continuar a se mover como pensa, sem interferências que o façam perder a humildade, que carrega em seu nome! abração, bom retorno! chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Abração chica, e que o primeiro papa latino-americano possa fazer o que tem que ser feito sem medo ou influências alheias.

      Excluir
  2. Boa tarde!

    Gostei demais de seu post,como tambem de todo o trabalho publicado,voltarei mais vezes para acompanhar.
    Abraços
    Sinval

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde Sinval,

      Estamos aqui para aprender com idéias e opiniões. Fico feliz que tenha gostado. Volte mais vezes e obrigado por seu comentário.

      Excluir
  3. Esse papa tem uma grande luta pela frente vamos ver o que vai acontecer.

    ps: O manual feminino vai sair daqui uns 300 anos pois até agora só foram escritas 10 mil páginas kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Patrícia,
      A torcida é que tudo de certo e que novos caminhos se abram para o catolicismo.

      ps: 10 mil páginas!!!!! E só vai sair daqui a 300 anos??? Quantos anos será preciso para ler? kkkkkkk

      Abração.

      Excluir
  4. Estimado amigo,

    Gostei muito da atitude de Bento XVI, creio que todo mundo deveria ter consciencia até onde poderá chegar.

    E simpatizo com o Papa Francisco. Felizmente, novos tempos. Que tenha sabedoria e saude.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi uma grande lição de humildade, a atitude de Bento XVI.

      Diante de tantas turbulências, que o Papa Francisco possa conduzir sua barca com serenidade, diálogo, defendendo as verdades eternas e imutáveis.

      Abraço, Sissym.

      Excluir

  5. Olá Nestor,

    Bacana as suas colocações, tão respeitosas quanto à renúncia do Papo Bento XVI e de bons votos ao Papa Francisco. A princípio, o novo Papa despertou em mim esperança. Torço para que ele tenha sabedoria o suficiente para conduzir os rumos da Igreja, tão conturbados ultimamente, bem como para que ele possa intervir positivamente para a paz entre os povos. Independentemente de religião, que ele seja o porta voz da espiritualidade no mundo.

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A igreja católica é uma instituição milenar e só por isso seus representantes papais merecem meu respeito.

      Sempre quando alguém assume um novo e qualquer cargo, a esperança é renovada.
      Independentemente de credo, o mundo precisa de agentes de paz e mais espiritualidade.

      Abraço, Vera.

      Excluir
  6. Eu estou otimista quanto ao trabalho do Papa Francisco. É de uma simpatia imensurável. Aquele sorriso constante no rosto é indício de que teremos, no mínimo, alguém de muita humildade e humanidade. Que o mundo possa colher frutos de paz.

    Abraços, Nestor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não somente a igreja católica, mas outras religiões, estão otimistas em relação ao novo papa. Que realmente seja um mensageiro da paz, com um olhar voltado aos mais necessitados.

      Abraço, Milene.

      Excluir
  7. OI NESTOR!
    "FRANCISCO" COM TODA A CERTEZA VEIO PARA MOSTRAR QUE A HUMILDADE NÃO PERTENCE AOS FRACOS MAS AOS FORTES DE CORAÇÃO.
    COM CORAGEM E SIMPATIA NÃO ESTÁ TENDO MEDO DE QUEBRAR PROTOCOLOS E MOSTRAR A QUE VEIO.
    ELE É UMA SIMPATIA E ESTÁ DEIXANDO A TODOS COM MUITA ESPERANÇA DE QUE POSSA MOSTRAR QUE A "IGREJA", NÃO É SÓ O TEMPLO, MAS A INSTITUIÇÃO EM SI, QUE "JESUS" DEIXOU PARA QUE FOSSE ADMINISTRADA COM SABEDORIA E DENTRO DE SEUS DESÍGNIOS.
    MUITO BOM TEU TEXTO.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/ClickAQUI

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Zilani,

      A humildade deve ser ponto fundamental de quem deseja assumir uma liderança.
      Oxalá, Francisco possa contagiar a todos os seus subordinados e por fim a igreja toda.
      Uma igreja humilde é capaz de reconhecer seus erros, pedir perdão e refazer a história de modo diferente.
      Abraços.

      Excluir
  8. Uma coisa eu nao sabia que franciscanos subiam na hierarquia da igreja... pq para mim o foco deles eram na ajuda dos mais necessitados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa Tarde Cristiano, como vai?

      Obrigado por seu comentário.
      Na verdade o atual papa não é Franciscano e sim da Ordem dos Jesuítas, fundada por Santo Inácio de Loyola. Adotou o nome Francisco em reverência a São Francisco de Assis que deixou um legado de humildade e generosidade para com os mais necessitados.

      Independente de ordem religiosa, qualquer cardeal está apto para assumir o comando da igreja.
      Abraço.

      Excluir
  9. Oi, Nestor como vai? Também pegar férias, não? Concordo plenamente contigo...abdicar de um trono quando já não se tem mais condições de honrá-lo é uma honra maior ainda porque é ato dos humildes, e humildade é qualidade tão rara e necessária...Gostei muito das postura do novo Papa e espero que sabedoria e humildade estejam juntas nessa nova caminhada.
    E o seu orquidário, como vai? :D
    Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia, Bia! Tudo bem contigo?

      Independentemente do trono que ocupamos, é questão de inteligência e reformulação, um dia, passarmos adiante.
      Que Francisco possa trazer a boa nova que a igreja e o mundo necessita.

      Minhas orquídeas, você ainda lembra?
      Em breve vou tirar uma foto e mostrar aqui para quem quiser ver e está na torcida. A maioria está desabrochando seus primeiros botões.
      Abração.

      Excluir
  10. Nestor, não deve ser fácil para um homem, que apesar de tantos dotes ainda carrega a condição de humano, ser responsável pelo legado de toda igreja católica em suas mãos, mesmo com tantos ajudantes ao seu lado.
    creio que estão acontecendo grandes mudanças no âmbito religioso e também creio que religião vá além de todas essas questiúnculas e convenções sociais, mas que o CAMINHO de FRANCISCO seja ILUMINADO e que ele possa fazer acontecer a RELIGIÃO em cada um de nós da maneira que ela realmente deve acontecer.

    Um grande abraço!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Malu, tudo bem?

      Há um grande legado a ser zelado sim: Verdades imutáveis, dogmas, patrimônio histórico e principalmente a fé.
      Cabe a Francisco responder aos novos anseios da igreja perante a juventude, a ciência e as religiões.
      Que realmente seu caminho seja iluminado e abençoado.
      Abraço.

      Excluir

Que legal! Família Alcará agradece ao seu comentário nota 10. Em breve estará disponível à todos.