Vida

Mais do que simplesmente viver a vida, é preciso senti-lá.
Partimos do princípio, amigos. Perceberam que hoje o dia amanheceu normalmente? O que muda nos dias são as variações climáticas. Aqui amanheceu nublado e com uma fina chuva. Talvez onde você esteja, tenha amanhecido um lindo dia de sol.
Nas primeiras horas da manhã nosso ritmo é menos acelerado, depois, por opção ou não, a maioria começam a acelerar, a entrar na correria, na agitação e esquecem de viver e de sentir a vida.
É fato, muitos nem sabem porque estão correndo. Outros  protegem-se por trás de seu individualismo, com sonhos e decepções. Ser o protagonista, o condutor da própria existência, não faz parte das metas de muita gente. A vida dessas pessoas é um verdadeiro caos. Nem elas sabem, se nesta altura da vida, são vilões ou mocinhos, protagonistas ou coadjuvantes, atores ou figurinistas.

Talvez a nossa vida seja um grande seriado, que a cada dia, semana, mês ou ano, apresenta uma nova temporada. Em algumas temporadas somos os protagonistas de nossa história, dramas, romances ou comédias. Em outras temporadas, embora sendo "donos" de nossas vidas, pode ser que apareçam pessoas que se tornem os protagonistas de nossa história. Ou ainda, pode ser que nós nos tornamos os protagonistas da história de outras pessoas. É nesse vai e vem, de inversões de papéis, que a vida vai acontecendo. Percepção e sensibilidade para isso, é viver a vida.

Seja qual for a cena que esteja apresentando, faça com que seja interessante o suficiente para que você mesmo continue assistindo, ora chorando, ora se divertindo, por essa e por todas as próximas temporadas.
O espetáculo da vida é de nossa responsabilidade. Os aplausos ou as vaias, só dependem de nós. 
Abraços.

9 comentários:

  1. Viver,simplesmente, da melhor forma, sem pensar nos aplausos ou vaias. Eles sempre virão, de uma ou outra forma, mas viver ,continuando a caminhada, é preciso! abração,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi chica,
      Concordo contigo, o sentido da vida acontece quando sentimos e vivemos o desenrolar da própria vida, através de nossa caminhada.
      Abraços.

      Excluir

  2. Olá Nestor,

    Muito bom o seu texto.
    Viver a vida na verdadeira acepção da palavra consiste em emprestar-lhe intensidade. Cada momento será único, seja em alegria ou tristeza. A vida tem muito a oferecer àqueles que a valorizam, amam e se empenham em escreverem a sua própria história.

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vera, tudo bem?
      Concordo contigo, a vida é apenas o reflexo de nossas atitudes.

      Bom feriadão!

      Excluir
  3. Aplausos e vaias são inevitáveis e necessários. É parte do crescimento, eu acho.

    Linda reflexão, Nestor.

    Abraços e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode ter certeza Milene, a vida tem altos e baixos, e isso sendo bem trabalhado, nos faz crescer como pessoas.

      Abração.

      Excluir
  4. Oi, nestor. Hoje em dia tenho um pouco mais de tranquilidade em relação à isso, quando estou no meio de uma "tempestade" sempre acabo pensando: "uma hora isso passa". Mas confesso que passei por uma tormenta pesada nos últimos meses (você acompanhou, não é?). e agora, com as coisas mais tranquilas, percebo que mudar o foco nesses momentos é primordial para tentar viver bem enquanto a tempestade não passa. Um abraço, e vamos aos aplausos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bia,
      Tempestades sempre virão. O importante é estar atentos e procurar a melhor forma de encarar esses desafios.

      Bom final de semana e aplausos a você!

      Excluir
  5. Nestor,

    Eu já comparei minha vida como uma temporada de um seriado.
    Justamente porque acontecem novidades, surpresas, alegrias, tédio...., lágrimas, e a vontade de ver tudo resolvido.

    É engraçado quando eu leio coisas que já passaram por minha cabeça, assim como a mensagem deste seu texto "Vida". Enfim, somos todos tão parecidinhos, não é mesmo?! Mas não podemos nos imaginar como enlatados americanos, heim?! rsss

    BEIJOS

    ResponderExcluir

Que legal! Família Alcará agradece ao seu comentário nota 10. Em breve estará disponível à todos.