Comportamentos

Olá!
Quando pequeno, lembro-me de algumas broncas que levei do papai e da mamãe. Por sermos uma família numerosa, sempre havia algumas pequenas confusões entre os irmãos. (coisa simples como puxões de cabelos, provocações, pontapés...) Quando a coisa era insuportável, a mamãe sempre nos dava uns puxões de orelhas, já o papai quando nos olhava com aquele olhar de desaprovação, ( sabíamos que a coisa era mais séria). Às vezes ele nos perguntávamos: Cadê a educação que ensinei a vocês? O respeito? E os bons modos?
Confesso aqui que nunca me arrependi das broncas que levei do tempo de minha infância.
O que eu não sabia, lá no meu tempo de infância, é que o respeito, a educação, os bons modos, não eram ensinado à todas as crianças. Digo isso porque não é raro presenciarmos ou até mesmo sentirmos na própria pele a falta de educação e de respeito por parte de quem nos deveria prestar bons atendimentos.

Quem nunca foi mal atendido em uma ligação telefônica? Perdeu a paciência em repartições públicas e privadas? Se estressou na fila do banco ou com a operadora de cartão de crédito?  A impressão que tenho é que a grande maioria das pessoas andam armada contra o seu semelhante. Basta você reivindicar seus direitos, requerer um bom atendimento, solicitar uma pequena coisa a mais e pronto: Lá vem uma resposta grosseira, que soa como um desabafo.
O próprio telefone tem se tornado uma arma violenta na boca de muita gente. Através dele, as pessoas se permitem gritar, esbravejar e dizer palavras que, normalmente, cara a cara, teriam vergonha em dizer.

Eu entendo que a correria do mundo moderno requer rapidez e resultados. É certo que isso, às vezes, gera um certo estresse. No entanto, eu e todo mundo, gostaríamos de sermos bem atendidos, de preferência com educação, respeito e bons modos, iguais aqueles que meus pais me ensinaram na infância, principalmente estando eu na condição de cliente.

6 comentários:

  1. Olá! Ótimo texto. Também tive uma educação rígida (até demais, sob o ponto de vista dos meus pais), mas a maturidade me fez perceber, como você, o quanto foi importante para a formação do caráter. Já trabalhei com atendimento e me esforçava para atender todos bem, porque entendia o quanto é ruim ser destratada quando buscamos um serviço ou direito. Tem razão. A má vontade mostra falta de educação. Um abraço!

    ResponderExcluir
  2. Olá Bia,
    A correria diária, a busca em atingir metas, além de nos estressar, às vezes nos cega diante de outras pessoas. É nesses momentos que podem vir a tona nossa falta de gentileza e educação.
    Forte abraço!

    ResponderExcluir
  3. Olá!!!Acho que a correria do dia a dia é só uma desculpa para os maus educados,como diz minha mãe é de pequeno que se torce o pepino, ensinar nossas crianças que o respeito e a educação são o principio de tudo,vamos usar as 3 palavrinhas mágicas:POR FAVOR,OBRIGADO E CONLICENÇA.

    ResponderExcluir
  4. Olá Margarete,
    Realmente educação se aprende em casa. Infelizmente hoje, a educação dos filhos está sendo administrada por pessoas fora do núcleo familiar. Os pais pagam uma boa babá, uma boa creche, um bom colégio e pensam que isso é educação. Educação é presença e atitude.
    Obrigado por sua presença e comentário.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  5. O indivíduo vai ter reações e atitudes no seu comportamento conforme o estímulo do meio ambiente em que vive.
    A Educação dos pais as vezes pode parecer severa mas é devido ao gde amor que eles sente pelos filhos.
    O que não acontece com alguns pais isso é verdade,o filho sente este desamor e se torna uma pessoa mal amada,de mal com a vida....
    Nestor,bom fim de semana,
    Um abraço

    ResponderExcluir
  6. Oi Maria Selma,
    O ambiente onde estamos inseridos, interfere sim em nosso comportamento e atitudes. O velho jargão nos diz isso: "Diga com quem andas e te direi quem és"
    Quanto as "broncas" dos pais, o que se pode afirmar é que eles querem sempre o melhor de seus filhos.
    Bom final de semana!
    Abraços.

    ResponderExcluir

Que legal! Família Alcará agradece ao seu comentário nota 10. Em breve estará disponível à todos.