Carnaval

Salve, salve o carnaval minha gente! Quem nunca caiu na folia que atire as primeiras serpentinas e confetes. 
Hoje terça-feira é o dia oficial do carnaval aqui no Brasil, nós brasileiros de coração,  começamos os festejos lá na sexta-feira, e neste embalo vamos até domingo.  Pulamos, dançamos, cantamos, extravasamos, sabe lá porque. 
Quanta cor, máscaras e quanta alegria! 
Será que você carnaval não está nos escondendo nada por detrás destas máscaras e tantas alegrias? Será que seus foliões não estão cantando para não chorar?  
Jornais estampam no dia de hoje os seus primeiros frutos, carnaval. 122 mortos em rodovias federais nos primeiros 02 dias de folia. Quem vai consolar a profunda tristeza de mães, pais, amigos e familiares de suas vítimas, hem carnaval?

Há quem diga que o ano começa depois do carnaval, o que não é verdade, quem afirma isso é um bando de mascarados que estão querendo nos enganar mais uma vez, o ano já começou e faz tempo.
O fato é que depois do carnaval, muita gente, além de suportar a dor de perdas irreparáveis, terão que cantar ao gerente do banco ou ao melhor amigo, a tradicional marchinha de carnaval: "Ei você ai, me dá um dinheiro aqui, me dá um dinheiro aqui."

Muita gente, com menos purpurina, terão que rodar a baiana de forma diferente, tirarão suas máscaras, esconderão suas bundas e peitos, no entanto, terão que "sambar, rebolar" muito mais, porque a grande passarela da vida é muito sério, não permite muitos erros e segue seu curso natural.
Por favor, se beber não dirija. Bom Carnaval!

2 comentários:

  1. Olá! Tem pessoas que são apaixonadas por Carnaval, não vejo isso como algo ruim. O problema está nos exageros cometidos por alguns inconsequentes. Numa coisa concordo plenamente: a vida segue seu curso, para quem pulou Carnaval, ou não. Um abraço!

    ResponderExcluir
  2. Oi Bia,
    Desde que não se extrapole limites, o Carnaval é tudo de bom sim!
    Abraços!

    ResponderExcluir

Que legal! Família Alcará agradece ao seu comentário nota 10. Em breve estará disponível à todos.